sábado, 28 de novembro de 2015

Reflexos no Piano






Num canto da sala,
O  piano antigo reflete um rosto...
Enquanto,  as teclas em silêncio sonham
Com os  toques suaves e intensos
Das tuas mãos...

Foto e poema: Van Zimeman
28/11/2015