sábado, 31 de outubro de 2015

Pequenos Vitrais Surreais









Do porta-retratos
As lembranças descolam-se
Movimentam-se com intensidade
E assim, quebram o vidro  que renasce
Em  mosaicos encantados...
E por segundos,
Posso sentir teu perfume,
Tocar em teu rosto,
Fecho os olhos
E abraço as tramas
Da antiga camisa branca
Que você insistia em dobrar as mangas,
Guardei um dos botões,
E muitos sonhos juntos.
E assim à noite sem pressa
Em sintonia com a chuva me faz companhia,
Enquanto observo  os pequenos vitrais surreais,
Coloridos por uma saudade intensa
Que pincela a cada amanhecer
A esperança da tua volta...
Van Zimerman
01/11/2015

quarta-feira, 28 de outubro de 2015

As Mãos Tingidas De Pólen...


Envolvo tua foto
Com moldura de pétalas
Sinto o perfume dos lírios,
E as mãos tingidas  de pólen...
Sutil, mas intenso  amor de Inverno
Que se mescla à Primavera.
Olhar que me embriaga,
Serpenteia, sem pressa
Meu colar de pérolas,
E aconchega-se milimétricamente em mim.
Respiro tua ausência
Na lembrança do teu beijo,
E a saudade e reticências,
Desenham tua presença,
Distanciando,  um ponto final
Van Zimerman 
28/10/2015

Meia-luz


Meia noite
Meio-tom
Um amor distante
Aproxima-se à meia-luz,
Uma lágrima no porta-retratos...
Van Zimerman
27/10/2015

segunda-feira, 26 de outubro de 2015

O Portão e o Vento



Num piscar de olhos

Distancia-se o pensamento,
Busco encontrar-te
Em cada folha do Plátano
E pétalas de rosa que guardei...
Imagino que esteja próximo a esquina
Vindo em minha direção,
Mas, num piscar de olhos.
Você retorna aos meus sonhos,
E o portão abre-se com o vento...

Van Zimerman
25/10/2015

sexta-feira, 23 de outubro de 2015

Castelo de Poesias



Há um encanto
Na solidão noturna, repleta
Da ausência de teus passos,
Do aconchego dos teus abraços...
Há um encanto
No chá que esfria na xícara,
Na lágrima que ensaia mover-se
E alonga-se, tentando acariciar meu rosto,
Enquanto aguardo tua volta...
Há um mistério em nossa despedida,
Uma vontade de ficar...
Mas, as palavras dispersaram-se
Em ventos coloridos de um arco-íris,
Semeando letras, reticências...
Um pouco do teu olhar
E da essência do teu beijo ficou em mim
E uma saudade intensa desse  amor
Que vive solitário em um  castelo de poesias...
 
Van Zimerman
 24/10/2015

domingo, 18 de outubro de 2015

DETALHES EM SÉPIA

                                    

Noite fria,
Ainda em meus lábios
A saudade dos teus beijos,
Das pétalas de rosas invisíveis
Espalhadas no lençol,
Guardei o nosso  perfume...
Saudade 
Do teu cabelo em desalinho
Do teu jeito de sorrir,
E de dizer:
“te amo
amo
amo...”
Van Zimerman
17/10/2015

Foto: Van Zimerman

quinta-feira, 15 de outubro de 2015

O Violino e o Vento



Na imensidão de teu olhar, perco-me.
Ah, se pudesse tocar tuas mãos e sentir a linhas do teu rosto...
A volta ao mundo apenas em segundos.
Encontro em cada palavra tua
Uma imagem, um sonho...
Aromas e sabores de Saudade envolvem-me
E, num piscar de olhos
Invadem meu corpo e alma
É especial viajar nas notas musicais
E sentir as cores das cordas do violino
E o toque do vento,
Repleto de teus beijos.
Van Zimerman
15/10/2015

segunda-feira, 12 de outubro de 2015

O coração deságua em versos





Há tanto amor e lembranças 
Contidas em uma lágrima,
Que o coração deságua em versos,
E os reflexos  de uma Saudade  estilhaçam-se
Em cada anoitecer sem a tua presença,
E na ausência de teus carinhos,
A Vida prossegue, derretendo relógios.
E aos poucos a esperança renasce,
Busco encontra-te em um "passeio no lago,"
Em uma tela de Renoir, 
Nas pinceladas  intensas e angustiadas de Van Gogh
Ou, e um poema de Baudelaire.


Foto  e poema:  Van Zimerman
12/10/2015 

Antologia "CONEXÃO" (Feira do Poeta) - Curitiba-PR - Informações e vendas:

Clicar na foto para ampliar 


Agradecemos as presenças e  carinho com nossa Antologia "CONEXÃO" (Feira do Poeta) - Curitiba-PR  - Lançada no dia 04/10/2015. Organizador: Amaury Nogueira. Capa: Van Zimerman



Amaury Nogueira - Organizador


 Van Zimerman (04/10/2015)

Informações e vendas: vaniceef@yahoo.com.br

R$ 25,00 (com despesa do correio)

domingo, 11 de outubro de 2015

Espelhos de Saudade









No labirinto de pétalas,
Cintilam  versos,
Perfumando  a solidão
Espelhos de saudade.
Van Zimerman
12/10/2015

sábado, 10 de outubro de 2015

Haiga




manhã de outubro-
na  calçada,  a flor de Ipê
bem- vindo vento



Foto e poema:   Van Zimerman

segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Livro "EPITÁFIO" - Osmarosman Aedo - Instituto Memória


Livro "EPITÁFIO"  - Osmarosman Aedo 


Informações e vendas: 


INICIAÇÃO



Nas linhas
Em tons de lilás
Caminhos e escolhas
Nas pétalas do amor-perfeito
Perfeita iniciação:
Silenciam-se os sinos- de- vento.




Foto e poema: Van Zimerman