quinta-feira, 20 de abril de 2017

Vem meu amor...



Vem  meu amor
Deságua em meus braços
Toda essa saudade contida,
Esse amor intenso
Deságua em um beijo,
]Mágica sintonia
Que pincela
Nossa história de amor
Em surreais telas de poesias
Vem  meu amor,
Deságua em meus braços
Esse seu jeito menino
De sorrir com o olhar,
De me aconchegar em seus abraços
E me fazer adormecer...
Van Zimerman, IWA
 20/04/2017