quinta-feira, 14 de julho de 2016

Invade-me

Invade-me,
Com a suavidade da rosa branca
Que se aconchega devagarinho ao bonsai...

Invade-me com as notas do teu perfume
E com as cores do teu olhar e sorriso,
Invade-me, e fragmenta a solidão
Em espelhos d´água
Invade-me com a intensidade
Do brilho  da Lua que sonha  com o Sol...
Van Zimerman
 15/07/2016