quinta-feira, 4 de agosto de 2016

CRINAS AO VENTO


Correm os sonhos livres,
Coloridos e intensos
Lembram cavalos selvagens,
Crinas ao vento,
Poeira, aquarelando imagens...
Os sons de cascos tocam o lago,
Desenhando sonhos e viagens...
Vanice Zimerman